Arquitetos: Alexandre Lobo, Fábio Cardoso, Alexandre Murucci e equipe da Landscape (Suzy Barreto e Cláudio Pedalino)

Encontrar um ponto de equilíbrio entre a preservação das características originais do prédio e a introdução de elementos arquitetônicos que apontassem para a modernidade e o aspecto tecnológico inerente à nova ocupação do espaço foi o grande desafio dos profissionais que trabalharam em conjunto para restaurar a fachada do Solar. A sofisticação do Projeto de Iluminação e elementos como o gradeamento em metal e blindex laminado, grandes estruturas em back-ligth sinalizando a logomarca, o nome do espaço e as atrações em cartaz, além de uma cobertura de armação metálica e vidro para a proteção do público na lateral de acesso à bilheteria imprimem um tom high-tech ao espaço. Ao mesmo tempo em que a opção pela aplicação do branco nos adornos e frisos e gradações de salmão nas paredes alude a uma combinação de tons típica do princípio do século passado, quando foi construído o casarão. Confeccionadas com o que há de mais moderno em isolamento acústico e travas de segurança, duas portas metálicas de 2m de largura (uma frontal e outra lateral) com barras antipânico garantem, de um lado, o bom fluxo do público na entrada e na saída e, de outro, a segurança do espaço e a tranqüilidade da vizinhança. Por último, mas não menos importante, o toque especial da equipe da Landscape, utilizando uma belíssima palmeira de 5m de altura para trazer um pouco de romantismo o local.